Skip to content
diferentes canais de comunicação para representar um plano de mídia
28 de novembro de 2023

Plano de Mídia: o que é e como fazer

diferentes canais de comunicação para representar um plano de mídia
28 de novembro de 2023

Plano de Mídia: o que é e como fazer

Navegue por tópicos

A internet trouxe novas mídias que se tornaram importantes canais de comunicação entre marcas e consumidores, mas também aumentou a concorrência. Por isso, realizar campanhas de marketing de sucesso não é uma tarefa tão fácil. E para permitir que as ações sejam desenvolvidas de forma mais eficaz para as empresas, existe um recurso chamado plano de mídia. Neste texto, você vai entender como ele funciona e conhecer algumas dicas para aplicar o seu. Acompanhe a leitura! 

O que é o plano de mídia?

O plano de mídia é um planejamento estratégico do marketing que traz os objetivos, as metas, o orçamento, os canais, os formatos, os conteúdos, os indicadores e o cronograma das campanhas de publicidade. 

Para criar um plano de mídia eficaz, é preciso realizar um estudo aprofundado do mercado, da concorrência, do consumidor e do setor. E ele deve ser capaz de se ajustar às novas situações e aos dados obtidos. 

Ele também deve estar alinhado ao plano de marketing e a identidade da marca, além de ser monitorado e analisado constantemente para conferir se as metas estão sendo cumpridas e se há oportunidades de melhoria.

Qual o objetivo do plano de mídia?

O objetivo do plano de mídia é escolher os meios mais adequados para atingir o seu público-alvo, levando em consideração uma série de fatores essenciais para a sua empresa. 

Além disso, ele ajuda a organizar, monitorar e otimizar as suas ações de comunicação, garantindo que a sua mensagem seja transmitida de forma clara, relevante e persuasiva.

O que analisar no plano de mídia?

Para concretizar seu objetivo, é preciso analisar uma série de aspectos no plano de mídia. Conheça quais são eles:

Mercado

O plano de mídia requer uma análise cuidadosa do mercado. Ele é formado pelos consumidores em potencial que se interessam, precisam ou podem comprar o produto ou serviço que a empresa oferece.

Analisar o mercado implica em compreender as particularidades, o comportamento, as preferências, as necessidades e as tendências do público-alvo da campanha. Essa análise possibilita reconhecer as oportunidades e os riscos que o mercado oferece, bem como estabelecer as estratégias mais apropriadas para alcançar os objetivos da campanha.

Público

O plano também leva em consideração o público. Ele é composto pelas pessoas ou organizações que se interessam, precisam ou podem comprar o produto ou serviço que a empresa oferece.

Analisar o público implica em compreender as particularidades, o comportamento, as preferências, as necessidades e as tendências do público-alvo da campanha. Essa análise possibilita dividir o público em grupos semelhantes, customizar a comunicação, elevar a relevância e a eficácia da campanha.

Para analisar o público, é preciso utilizar ferramentas e métodos que permitam coletar e interpretar dados e informações pertinentes sobre o perfil do consumidor. 

Estratégia

 A estratégia diz respeito ao conjunto de decisões e ações que visam atingir os objetivos da campanha, considerando os recursos disponíveis, as características do produto, do mercado, do público e da concorrência.

Para analisá-la, é preciso entender como a campanha será planejada, executada, monitorada e otimizada, de acordo com as melhores práticas de comunicação e marketing. Essa análise permite avaliar a eficácia, a eficiência e a relevância da campanha, bem como identificar os pontos fortes e fracos, as oportunidades e as ameaças.

Canais de comunicação

Os canais de comunicação são aspectos essenciais para o plano de mídia, pois se referem aos meios pelos quais a empresa se comunica com o seu público, seja por telefone, internet ou mídia física. Eles podem ter diferentes objetivos, como atender, prospectar, divulgar ou negociar, por exemplo.

Analisar os canais de comunicação significa entender quais são os mais adequados para atingir o público-alvo, levando em conta fatores como audiência, alcance, frequência, custo-benefício e retorno sobre o investimento Assim, é possível escolher os canais mais eficientes, complementares e sinérgicos para a campanha.

Produto

Além disso, é preciso considerar o produto, ou seja, o bem ou serviço que a empresa oferece ao mercado. 

Analisá-lo implica em  entender as características, os benefícios, os diferenciais e o posicionamento do produto no mercado. Dessa forma, o negócio pode definir o público-alvo, a proposta de valor, a estratégia de comunicação e o mix de marketing do produto.

Orçamento

Toda estratégia de marketing envolve custos, não é? Por isso, o plano de mídia também envolve o orçamento, isto é, o valor total que a empresa está disposta a investir na campanha, considerando os custos com mão de obra, tecnologia, mídia e outros recursos necessários.

Para analisá-lo, é necessário entender como o valor será distribuído entre os diferentes canais, formatos, conteúdos e períodos da campanha, de acordo com os objetivos, as metas e o retorno esperado.

Objetivos

Além disso, é preciso entender as metas que se pretende alcançar com a campanha, considerando os recursos disponíveis, as características do produto, do mercado, do público e da concorrência.

Por isso, a análise dos objetivos faz referência ao entendimento do que a empresa espera da campanha, possibilitando a definição de estratégias de comunicação mais adequadas para atingir os objetivos, bem como os indicadores de desempenho que serão utilizados para medir os resultados.

Cronograma

Por último, não poderíamos esquecer que um planejamento envolve um cronograma, certo? Trata-se de um conjunto de períodos para definir quando e por quanto tempo as campanhas serão veiculadas em cada canal de comunicação, além de possibilitar o controle de orçamento e uma distribuição eficiente de recursos.

Isso significa que é preciso utilizar ferramentas e métodos que permitam planejar, visualizar e acompanhar as datas e os períodos de veiculação das campanhas.

Como elaborar um plano de mídia 

Agora que você já sabe um pouco mais sobre o plano de mídia e como ele funciona, confira nossas dicas de como elaborá-lo da melhor forma possível no seu negócio!

Desenvolva o briefing

O primeiro passo para elaborar um plano de mídia é desenvolver o briefing. Ele consiste em um documento que reúne as informações essenciais sobre o produto ou serviço, o mercado, o público-alvo, os objetivos, o orçamento e o cronograma da campanha. Por isso, ele serve como um guia para orientar as decisões e as ações do plano.

Defina os canais

Em seguida, é preciso definir Após desenvolver o briefing, o próximo passo para elaborar um plano de mídia é definir os canais que serão utilizados para divulgar a sua campanha. Os canais são os meios pelos quais a sua mensagem chegará até o seu público-alvo, seja por telefone, internet ou mídia física.

Siga o cronograma

Além disso, é muito importante desenvolver e seguir o cronograma. Ele é uma ferramenta que permite organizar as datas e os períodos de veiculação das campanhas em cada canal escolhido, além de ajudar a controlar o orçamento e a distribuir os recursos de forma eficiente.

Crie conteúdo relevante

O conteúdo é outro aspecto fundamental para a eficiência da sua estratégia. Mas não basta produzir qualquer conteúdo: ele precisa ser relevante, ou seja, gerar valor para a vida do leitor.

Por isso, é muito importante conhecer o seu público-alvo e escolher os formatos adequados para ele, além de seguir as boas práticas de SEO e trazer informações de qualidade.

Defina os indicadores de desempenho

Os indicadores de desempenho, também chamados de KPIs (Key Performance Indicators), são as métricas que permitem avaliar se os objetivos da campanha foram alcançados ou não.

Para escolher os indicadores de desempenho mais adequados, é preciso levar em conta alguns critérios, como:

  • A relevância, a clareza e a precisão dos indicadores;
  • A facilidade, a frequência e a confiabilidade da coleta dos dados;
  • A compatibilidade, a comparabilidade e a consistência dos indicadores.

Analise os resultados

Por fim, é preciso analisar os resultados do seu plano de mídia. Essa etapa é essencial para verificar se os objetivos e as metas foram alcançados, se o orçamento foi respeitado, se os canais foram eficientes e se o conteúdo foi relevante.

Para analisar os resultados, é preciso utilizar os indicadores de desempenho que foram definidos na etapa anterior. A análise deve ser feita de forma crítica, comparativa e conclusiva. Ou seja, é preciso avaliar o que funcionou e o que não funcionou, comparar os resultados com as expectativas e tirar conclusões sobre o sucesso ou o fracasso da campanha.

Gostou de entender mais sobre o plano de mídia? Não deixe de acompanhar o blog da Contato para mais conteúdos sobre marketing digital! 

Novos conteúdos

hiperpersonalização

Hiperpersonalização: saiba sua importância para o relacionamento com o cliente

A hiperpersonalização emerge como uma estratégia revolucionária capaz de elevar o relacionamento entre empresas e clientes a um patamar inédito. Neste artigo, mergulharemos nos conceitos e práticas dessa prática, desvendando
Arquitetura de Marca

Arquitetura de Marca: o que é e quais seus principais benefícios

No universo do marketing digital, a construção e gestão de uma marca são cruciais para o sucesso de qualquer empresa. A arquitetura de marca surge como uma estratégia fundamental nesse
Metas Comerciais

Metas Comerciais: quais são, os desafios e como acompanhar

Você já parou para pensar nas metas comerciais da sua empresa? Definir objetivos claros é fundamental para o sucesso de qualquer negócio. Neste artigo, vamos explorar o que são metas

Receba um diagnóstico gratuito do seu marketing com os especialistas da Agência Contato

Receba o melhor conteúdo de marketing em seu e-mail

1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder

Materiais ricos

Não vá ainda!

Agende um bate-papo gratuito com um especialista e receba um diagnóstico para impulsionar seu tráfego, leads e vendas!

plugins premium WordPress