Skip to content
espalhando-uma-mensagem
20 de outubro de 2023

Marketing Cultural: o que é e porque investir nessa estratégia

20 de outubro de 2023

Marketing Cultural: o que é e porque investir nessa estratégia

Navegue por tópicos

Atualmente, as empresas estão em busca de maneiras de se diferenciar dos concorrentes e conquistar o público. Uma maneira de se fazer isso é através do Marketing Cultural, que são ações culturais promovidas pelas empresas e instituições com o objetivo de fortalecer a relação com seus clientes.

Dessa forma, além de aumentar as vendas, há um impacto positivo na sociedade. Isso é algo que o público vem cobrando cada vez mais das marcas hoje em dia. Pensando nisso, a Contato trouxe no texto de hoje tudo que você precisa saber sobre essa estratégia de marketing e suas principais vantagens. Boa leitura! 

O que é Marketing Cultural

Como falamos rapidamente, o Marketing Cultural é uma estratégia que utiliza da cultura para fazer a divulgação de algum produto, serviço ou marca de uma empresa. Apesar de ter se popularizado nos anos 90, essa estratégia é um tipo de marketing relativamente novo e passou a ser utilizado mais recentemente.

Dessa forma, seu principal objetivo vai além de obter o lucro, mas também ajuda uma empresa a ter um diferencial de mercado para passar na frente da concorrência e ficar mais próximo do público-alvo. Na prática, o marketing cultural ocorre quando uma organização patrocina projetos e se beneficia da cultura para projetar ou fixar a sua imagem. 

Como funciona o Marketing Cultural

Para que seja possível implementar uma estratégia de Marketing Cultural, é preciso analisar os comportamentos, conhecimentos e costumes do público-alvo que sua empresa planeja atingir. 

Com isso, há quatros formas em que o marketing cultural pode aparecer. Continue lendo e saiba quais são! 

Marketing Cultural de Fim

Apesar do nome “de fim”, esse é o primeiro tipo de marketing cultural. Ele é tido como o primeiro por abranger tudo, ou seja, desde a criação do produto ou serviço até o marketing feito em cima dele. Seu foco está ligado à cultura. 

Marketing Cultural de Agente

Já o marketing cultural de agente, como o nome já diz, não é realizado pelo dono do negócio, mas sim por um especialista em cultura. Ele pode ser um produtor cultural ou uma agência de marketing cultural, por exemplo. O trabalho desse profissional é analisar o mercado e identificar as melhores oportunidades de ações com as quais a marca possa ser associada. 

Marketing Cultural de Meio

No marketing cultural de meio a estratégia é baseada no patrocínio de ações culturais. Dessa forma, ele pode ser usado em diferentes tipos de promoção cultural. 

Marketing cultural misto

O último tipo de marketing cultural é o misto, em que duas ou mais empresas patrocinam o mesmo projeto. Nesse sentido, elas podem tanto apoiar a sua empresa quanto outras. Por isso, o desafio principal é conseguir um destaque do que as outras marcas. 

Exemplos de empresas que utilizam dessa estratégia

Se você ainda está em dúvida se vale a pena investir nessa estratégia, trouxemos algumas empresas de diferentes segmentos que tem conquistado ótimos resultados através da utilização do Marketing Cultural. 

Coca-cola: conhecida por ser o refrigerante mais consumido do mundo e criar propagandas movidas à felicidade, a Coca-Cola também faz investimentos recorrentes em eventos culturais. Os mais conhecidos são a Copa do Mundo e os Jogos Olímpicos. Entretanto, aqui no Brasil, no Amazonas, a marca já apoiou o Amazonas Film Festival e o tradicional Festival Folclórico de Parintins.

Banco Itaú: outra grande empresa que se preocupa em investir na cultura é o Banco Itaú, que criou uma área exclusiva para tratar desse tipo de ação: o Itaú Cultural. Segundo informações da própria empresa, já foram investidos R$ 157 milhões em 323 projetos.

Ambev: uma das maiores empresas cervejeiras do Brasil, a Ambev também utiliza as estratégias de marketing cultural. Uma das suas marcas, a Skol, é responsável por incentivar a apresentação de artistas locais com o projeto Skol Beats. Além disso, a Stella Artois patrocina o Brasil Open de Tênis, o mais antigo torneio da modalidade no país.

Por que investir nessa estratégia

O objetivo principal do Marketing Cultural não é aumentar as vendas da empresa, mas se diferenciar dos concorrentes e mostrar ao seu público responsabilidade social. Com isso, podemos perceber que essa estratégia pode apresentar uma série de vantagens. 

Listamos abaixo alguns motivos para o seu negócio adotar esse tipo de marketing! 

Vantagem Competitiva

Como falamos rapidamente, por permitir que as empresas se destaquem em um mercado cada vez mais saturado, o marketing cultural oferece uma vantagem competitiva significativa. Através do patrocínio de eventos culturais, exposições, concertos, e outras iniciativas artísticas, as organizações podem construir uma imagem positiva e fortalecer sua identidade de marca. 

Contribuição com a cultura local 

Ao apoiar eventos culturais, artistas locais e iniciativas culturais regionais, as empresas demonstram um compromisso genuíno com a comunidade, o que pode resultar em uma imagem positiva e maior aceitação por parte dos consumidores locais. 

Além disso, esse tipo de investimento pode ter um impacto significativo no desenvolvimento econômico local, estimulando o turismo, o comércio local e a geração de empregos. Ao promover a cultura local, as empresas também podem contribuir para a preservação da identidade cultural da região, enriquecendo a vida da comunidade e criando um ambiente mais vibrante e atrativo para todos. 

Diferencial para os jovens 

Por representar uma forma eficaz de atrair e engajar uma audiência jovem e dinâmica, apresentar um diferencial para os jovens é um benefício significativo de se investir no marketing cultural. Essa abordagem permite que as marcas se posicionem como inovadoras e conscientes da cultura, o que pode impulsionar a lealdade e o reconhecimento da marca entre a geração z

Além disso, as empresas também se destacam como parceiras ativas na promoção da criatividade e da expressão artística, o que é um fator atraente para os consumidores jovens em busca de experiências autênticas e significativas.

Fortalecimento da responsabilidade social

Outra vantagem do marketing cultural é o fortalecimento da responsabilidade social. Ao apoiar eventos e projetos culturais, as empresas demonstram um compromisso com a comunidade e a sociedade em geral, indo além de simplesmente buscar o lucro. 

Dessa forma, o marketing cultural permite que as empresas não apenas se envolvam em ações benéficas para a sociedade, como também comuniquem essas ações de forma eficaz. Isso cria uma imagem de empresa cidadã, que se preocupa com questões além do seu próprio interesse financeiro. 

Esperamos que tenha gostado do conteúdo de hoje. Não deixe de acompanhar o Blog da Contato para ficar por dentro do mundo do Marketing. Até a próxima!

Receba um diagnóstico gratuito do seu marketing com os especialistas da Agência Contato

Receba o melhor conteúdo de marketing em seu e-mail
1 Step 1
keyboard_arrow_leftPrevious
Nextkeyboard_arrow_right
FormCraft - WordPress form builder
Materiais ricos

Não vá ainda!

Agende um bate-papo gratuito com um especialista e receba um diagnóstico para impulsionar seu tráfego, leads e vendas!

plugins premium WordPress